Download PDF

Qualquer um dos números apresentados é impressionante, e justifica a designação atribuída: Shockwave. Este camião de sete toneladas, proporciona de facto uma onde de choque! São três reactores e cada um destes com 12.000 cv… que na tentativa de recorde, consumiram 680 litros de combustível. A compensação veio com a presença no Guiness, depois de o camião da Darnell Racing Enterprises – um nome sonante por entre os “dragsters” – ter atingido os 605 km/h. Por forma a ‘abrandar’ este monstro, que tem por base um Peterbilt, discos nas rodas e dois pára-quedas militares.