Download PDF

A eleição do Daily Blue Power como International Van of the Year 2018, premeia a Iveco pela produção – no mercado dos ligeiros de mercadorias – de uma nova gama, com elevados padrões de sustentabilidade e uma panóplia de motorizações, orientadas para reduzir o impacte ambiental dos operadores. Com os Iveco Daily Blue Power, a marca italiana concede escolhas viáveis e eficientes em termos de potência e emissões, medidas em condições reais de condução – Real Driving Emissions (RDE) – tanto no 2.3 Diesel Euro 6, como no 3.0 a Gás Natural Natural (CNG), equipados com as transmissões automatizadas Hi-Matic. A mesma que também se encontra disponível na versão eléctrica de 5.0 toneladas de peso bruto.

Os jornalistas e editores dedicados ao sector dos comerciais ligeiros que compõem o júri de 25 elementos, atribuíram 113 pontos ao Iveco Daily Power; 79 pontos ao Ford Transit Custom; enquanto na terceira posição, ficou o Caddy TGI a gás natural. O prestigiado troféu anual contou com a participação de cinco marcas. Além das que ocuparam o pódio, concorreram a MAN com o TGE e a Renault com o Kangoo ZE. Perante 1.500 representantes da indústria europeia dedicada aos veículos comerciais, o novo troféu foi entregue durante a Gala da Solutrans 2017 que decorreu em Lyon-França.

Durante a entrega do troféu, o presidente da Iveco comentou: No ano em que celebra o 40º aniversário, o Daily foi eleito como o International Van of the Year pela terceira vez. Além do aclamado sucesso do modelo, este troféu comprova o reconhecimento dos esforços da IVECO para contribuir, de uma forma decisiva, para uma melhor atmosfera e reduções das emissões de CO2. O Daily Blue Power na versão eléctrica, a gás natural ou avançadas versões Diesel, é o primeiro e único veículo a conceder três escolhas, que se antecipam às normas de impacte ambiental nos centros urbanos. Estas características, garantem o retorno do investimento e a vantagem competitiva, mediante as quais se garante a evolução e sustentabilidade do negócio, sublinhou Pierre Lahoutte.

O presidente do júri do International Van of the Year, deu os parabéns à IVECO pelo notável desenvolvimento no Daily Blue Power. O troféu existe desde 1992, sendo esta a terceira vez que o Iveco Daily consegue vencer. A primeira foi em 2000 e a segunda em 2015, acrescentou Jarlath Sweeney. As motivações do júri, para elegerem o IVECO Daily Blue Power como o Furgão do Ano para 2018, apontam para sustentabilidade no segmento dos ligeiros de mercadorias, no qual o Daily Blue Power confirma a posição, tanto no Diesel como no Gás Natural (CNG). O destaque recai sobre conjugação do Daily a Gás Natural e a transmissão Hi-Matic, que concedem excelente condução.

– O Iveco Daily Blue Power é reconhecido pela inovação técnica, além das Emissões correspondentes às condições Reais de Condução. Mediante estes valores, regista-se uma antecipação de três anos, face às exigências da CE no tocante às emissões poluentes nos Diesel, característica que coloca o Daily muito à frente dos concorrentes.

– Além de menos poluente que o 2.3 actual é 7% mais económico. Entre outras razões, o motor é mais leve e disponibiliza a tecnologia SCR conhecida dos camiões IVECO.

– As soluções encontradas no Iveco Daily Blue Power, são como um ovo de chocolate da Kinder – porquanto incluem três novidades. Além das ERC nos Diesel, a IVECO apresenta uma nova versão eléctrica com cinco toneladas de peso bruto, 200 km de autonomia e impressionantes binário e aceleração. Em destaque, a IVECO apresenta uma nova versão CNG com a ZF Hi-Matic de oito relações automatizadas. De acordo com a Fiat Powertrain Technologies e face ao Diesel, a solução CNG concede 35% de ganho nos custos operacionais (TCO).

– A gama Daily Blue Power conjuga as melhores soluções para reduzir o impacte ambiental dos Comerciais, durante as operações urbanas e sub-urbanas. Nas tecnologias desenvolvidas pela IVECO, comprova-se a eficiência das soluções Eléctrica, a Gás Natural e SCR. Para o segmento dos comerciais ligeiros, o construtor italiano trouxe a evolução através do refinamento das soluções.