Download PDF

Novidades em Genéve 2019

A indústria automóvel parece estar recomposta de um período a que designaram como crise e, tudo aponta – ou pelo menos quase tudo e quase todos apontam – para um futuro eléctrico, mesmo sem garantir de onde vem a electricidade, como é transportada e quais os custos. Há quem já tenha afirmado, peremptoriamente, que o futuro não só será eléctrico, como os automóveis poderão estar limitados a 180 km/h – Volvo Cars dixit. No países banhados pelo Mediterrâneo, enquanto os espanhóis recuperam a Hispano Suiza, os italianos apresentam o ‘120’ da Fiat e a Pininfarina avança com o “Battista”, capaz de chegar dos 0-100 km/h em menos de dois segundos, atingir os 300 km/h em menos de 12 segundos e percorrer 450 quilómetros com uma única carga. Em Genéve, também se falou de CO2 e um dos exemplos vem da Mazda com o novo CX-30. A nível institucional e com as referências de 2010, marca japonesa quer chegar a 2030 com uma redução de 50% nos níveis de CO2. Da nossa parte e como vem sendo habitual noutras edições, achamos que uma imagem valor 1.000 palavras.

Novidades em Genéve 2019