Download PDF

A nova geração do Duster promete muitas novidades, tanto no exterior como no interior

Volvidos sete anos após o início da comercialização, o Duster recebe alterações significativas, que deixam antever evoluções mais profundas, no próximo modelo. No exterior, a terceira geração evoluiu em termos estéticos, mas no habitáculo, as evoluções têm sinal +. O Duster está mais espaçoso, mais funcional, e mais equipado face aos anteriores modelos. Por outras palavras, as sinergias do Grupo foram chegando ao SUV, sendo mantida a competitividade dos preços. Por fim mas não menos importante e ainda em volta dos números, todos os Duster estão abaixo do limite da tributação autónoma. Por outras palavras, é possível aceder a um Duster abaixo dos 15 e chegar à versão mais elaborada, cotada a menos de 25.000 €.

 

 

O espaço no interior e a modularidade da bagageira, favorecem o Duster. Ao abdicar da roda de reserva, ganha-se espaço sob o piso

No entanto, é por demais evidente que existem diferenças quando pensamos nos Captur, Kadjar, Juke ou até no sucesso de vendas Qashqai. Os materiais aplicados no Dacia Duster, não se encontram nivelados pelos modelos atrás mencionados, e no que diz respeito à finalização, também encontrámos diferenças. Uma das mais evidentes tem a ver com a insonorização do habitáculo que, em nossa opinião, concede um satisfatório nível de conforto e boas cotas de habitabilidade. Na bagageira, a volumetria chega aos 376 litros, passando aos 1.409 litros com os assentos traseiros rebatidos. No caso de prescindir da roda de reserva e optar pelo “kit” de reparação, o espaço disponível chega aos 1.444 litros.

preço-base

isv

iva

despesas

pvp

iuc

14.516,23

4.223,61

4.310,16

23.050,00

179,05

 

Com boa acessibilidade ao interior, o Duster concede boas cotas de habitabilidade, tanto nos lugares dianteiros como traseiros. Para quem conduz, os diversos ajustes no assento, coluna e volante, permitem encontrar uma boa posição de condução e bons ângulos de visibilidade. Na versão que conduzimos e através de um visor central multi-funções, a existência da visualização das manobras de marcha-atrás, enaltecem o factor visibilidade.

 

O peso rebocável com travões é semelhante à tara do veículo

Como atrás foi referido, a qualidade dos materiais empregues é inferior face a outros modelos do Grupo. O toque e a qualidade percebida, identificam o posicionamento deste modelo e até da marca. No entanto, se pensarmos em dar qualquer tipo de pontuação, a finalização está acima dos materiais empregues. Por esta razão, ao analisar a filtragem no habitáculo, esta é bem mais eficiente no tocante às vibrações do que ao ruído. Em nossa opinião, o Duster concede um bom nível no conforto de rolamento, mesmo considerando a textura dos materiais utilizados nos assentos, e a falta de apoio lateral destes, quando em curva. Em percursos sinuosos, a falta de apoio lateral é evidente, mas o comportamento dinâmico surpreende pela forma como o motor reage. Entre as 1.500~2.000 rpm já podemos contar com alguma reprise, ainda que em nenhum dos regimes (baixos ou médios) tenhamos dado conta de acelerações vigorosas. Algo que não surpreende num automóvel que ronda os 1.500 kg (1.427 kg) quando pronto para dar à chave. Um facto curioso, é o peso rebocável com travões, cujo valor se aproxima da tara, ou seja 1.500 kg (685 kg s/travões). Por fim mas não menos importante, o Duster é classe 1.

 

Vista do exterior a versão 4×4 é um pouco mais alta e concede maior altura ao solo

4×2 ou 4×4

A selecção de 4×2 ou 4×4 pode ser feita de dois modos. Através de pré-selecção mediante um comando colocado na parte inferior da consola central ou de forma automatizada. De qualquer das formas, é pouco perceptível a existência da tracção integral, ainda que esta apareça sempre que necessário e nas situações mais críticas. De igual forma como acontece com muitos dos comandos, o selector não está no melhor dos sítios, com a escolha da motricidade a  aparecer no painel de instrumentos.

Gostámos –Gostámos +
– qualidade dos materiais

– insonorização do habitáculo

– relação custo/benefício

– comportamento dinâmico

– conforto de rolamento

– equipamentos de série e segurança activa

– habitabilidade e modularidade

Características técnicas

Dacia Duster 4×4
motor4 cil, 1.461cc, Euro 6B, turbo+SCR+FP
potência kW(cv)/rpm80 (110)/4.000
binário Nm (kgm)/rpm260 (25,3)/1.750
transmissãodianteira ou integral, manual de seis relações
jantes – pneus17” – 215/60 R 17* (215/65 R 16 de série)

*opcional