Download PDF

A chegada de um novo modelo, é sempre motivo de atenções por parte de quem passa. E de uma forma geral, quanto maior é a curiosidade, mais são os pontos de interesse. É o que acontece com o novo i30. O exterior chama a atenção através de elementos como a grelha, os grupos ópticos e mais alguns itens. No interior também há novidades, com destaque para a transmissão automatizada DCT, cada vez mais difusa na gama Hyundai. Ainda no habitáculo, é cada vez mais evidente a talha aos gostos europeus, através dos comandos por botão rotativo, as cores discretas no painel de instrumentos, e alguns detalhes ergonómicos. No entanto, alguns materiais utilizados nos revestimentos, ainda não se encontram ao nível dos principais construtores europeus, e o mesmo acontece com alguns elementos de conforto, como acontece com os assentos. Por fim mas não menos importante, e comparando sempre com os principais construtores europeus, o preço final do i30 é muito competitivo, quer no confronto com os concorrentes no mercado, como na relação entre o preço e os equipamentos disponibilizados. E no tocante a garantias, são cinco anos com verificações gratuitas, assistência em viagem e sem limitação na quilometragem.

Preço-base

ISV

IVA

Despesas

PVP

IUC

28.700,00

166,65

O interior do i30 concede boa habitabilidade e um bom nível de equipamento, quer em termos de funcionalidade como de segurança activa e passiva

Com boa acessibilidade e cuidada ergonomia, o habitáculo do i30 concede boas cotas no capítulo da habitabilidade. Na bagageira, a modularidade conseguida através do rebatimento dos assentos traseiros (60/40), permite passar dos 395 para o 1.301 litros de volumetria. Como atrás foi referido, os comandos estão bem posicionados e a forma circular da generalidade dos botões, também ajuda a ter um melhor nível de manuseamento, ao qual se juntam comandos mais intuitivos, como acontece com os do visor central de 8” através do qual podemos comandar o áudio, a navegação, e visualizar as manobras de marcha-atrás. No capítulo da funcionalidade, encontramos um conjunto de siglas que indicam assistência ao arranque em subida, acelerador automático com limitador, aviso de saída da faixa de rodagem e automatismo de máximos, enquanto na segurança existem sistemas para a activa e passiva. Indexados à primeira encontramos o ABS e ESC, enquanto na segunda, destacamos os “airbag” frontais, laterais e de cortina.

Aos comandos

Ao colocar o motor em funcionamento demos conta da boa filtragem, tanto em termos de ruído como de vibrações. De seguida podemos escolher uma de três posições: o modo mais económico, uma intermédia, e a sport. Nesta última e na maior parte dos casos, logo que seleccionamos este modo, o motor acelera um pouco e à medida que vamos explorando este 1.4 turbo, percebemos que o motor ganha mais genica, quer nas acelerações como nas reprises. Com a possibilidade de funcionar em automação ou selecção manual do tipo sequencial, a transmissão de duplo disco DCT de sete relações, concede suaves e rápidas passagens na transmissão. No conjunto, estes 140 cv rendem muito mais do que à primeira vista poderia parecer.

Como já foi referido, a rapidez nas passagens entre relações é um dos factores, mas a elasticidade do motor e a ampla faixa de utilização (1.500~6.000 rpm) tornam a condução muito agradável, e até com um cunho desportivo.

Para esta última sensação, também contribuem as jantes de 17” e os pneus /45 que ajudam a tornar o i30 mais reactivo. Com um bom nível de conforto de rolamento, este “turbo” deixou-nos melhores impressões no comportamento dinâmico e desempenho das suspensões e travões. Num breve contacto ao volante e no habitual percurso misto (AE+EN+Urbano), obtivémos um consumo de 7,3/100 km à média de 63,7 km/h.

Gostámos –

Gostámos +

– Escolha de alguns materiais

– Comportamento dinâmico

– Funcionalidades da DCT

– Equipamento de série e segurança

– Conforto de rolamento

– Bagageira, modularidade e arrumos

Ficha técnica

Hyundai i30 1.4 T – DCT

motor

K 1.4 Turbo+GDI

potência kW(cv)/rpm

103,0 (140,0)/6.000

binário Nm(kgm)/rpm

242 (24,7)/1.500

transmissão

automatizada dupla embraiagem e sete relações

jantes – pneus

17” – 225/45 R 17