Download PDF

A tecnologia transformou o novo Range Rover Sport, agora disponível em versão híbrida “plug-in” mediante conjugação de um motor eléctrico com um a gasolina, que concedem eficiência, capacidade e performance dignas de destaque. O que revela com o novo modelo, antecipa o futuro. A partir de 2020, todas as gamas das Jaguar e Land Rover terão uma opção eléctrica ou híbrida. Em complemento à chegada das versões eficientes com motores híbridos “plug-in”, a família Range Rover Sport é renovada com um design melhorado e coloca as novas tecnologias à disposição do cliente. O topo de gama, o SVR, disponibiliza agora 575 CV de potência, o que o torna no Range Rover mais veloz e potente de sempre. O Range Rover Sport, concebido, desenvolvido e produzido no Reino Unido, vendeu mais de 732.000 unidades desde 2004. Outra das novidades tem a ver com o SD4 um 2.0 de 240 cv e um preço a rondar os 86.325 €. 

O novo modelo híbrido P400e proporciona uma performance sustentável, conjugando um motor Ingenium 2,0 litros a gasolina de quatro cilindros e 300 CV (221 kW) com um motor eléctrico de 116 CV (85 kW). A potência total de 404 CV (297 kW) e a tracção integral, permitem acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 6,7 segundos e atingir uma velocidade máxima de 220 km/h. Com um binário impressionante de 640 Nm, os motores novos conjugam dinamismo e performance sustentável com o requinte, conforto e capacidade tradicionais da Land Rover.