Download PDF

Mercedes-Benz A 250 SPORT, (W 176), Fahrveranstaltung SlowenienAcima dos 200

Neste site e em relação ao Classe A já abordamos o assunto duas vezes. No entanto, da primeira vez analisámos o resultado da parceria/cooperação com os franceses no 180, enquanto da segunda e com o 200, avaliámos o modelo com motor MB. Desta vez o motor é conhecido, chega aos 170 cv, que passam ao solo com uma tracção alternativa face aos restantes modelos da gama. Ao volante, os elementos AMG e pneus /40 concedem a este Classe A, uma condução que podemos considerar acima dos 200.


Um outro Classe A

A-Klasse

A ligação aos franceses trouxe a tracção dianteira, sem se perder a dinâmica reconhecida na condução

Com este Classe A os alemães abriram mais portas do que até aqui tinham feito. Uma das mais importantes tem a ver com a parceria efectuada com a Renault! Através desta, conseguiram montar o bloco 1.5 no Classe A e ter um preço de acesso à volta dos 28.000 €… num modelo novo e que nada tem a ver com o anterior A. No caso do 200 CDI, o bloco 1.8 chega aos 136 cv e tal como na escolha mais acessível, as transmissões declinam em manual ou automática. No caso do 220 CDI a MB disponibiliza apenas o bloco 2.143 cc (já conhecido dos C e E) com transmissão 7G-DCT ou seja uma transmissão automatizada com dupla embraiagem. Desta conjugação resulta um preço-base no 220 CDI que é semelhante ao pvp da versão mais acessível. E se a este acrescentarmos mais duas versões (250 e 45 AMG) ficamos com uma panóplia de versões que o anterior modelo não concedia.
Por fim mas não menos importante, existe uma outra porta que também está aberta a outros MB: a dos opcionais. No modelo que conduzimos, encontrámos 6.666 € de opcionais, aos quais acrescem pouco mais de 15.000 € de taxas e impostos, ou seja 31% do preço desta versão com a linha AMG Sport.

uma questão de perfil

Sem os opcionais, o 220 CDI BlueEfficiency fica nos 41.650 €, aos quais corresponde uma vasta lista de equipamentos de série, na qual destacamos a literatura em português, o sistema de prevenção de colisões, os “airbag” frontais e laterais + os de janela e joelho, este último para quem vai ao volante, o acelerador automático com limitador de velocidade, volante multifunções, ABS+ASR+ESP, Isofix e os limpa para-brisas automáticos.
Do lado dos opcionais, e entre outros, apreciámos o sistema de estacionamento activo (sem tv 691,06 €) o Command online (1.707,32 €) com múltiplas funções entre áudio, navegação e informação, a eficiente climatização Thermotronic (528,46 €) de rápida resposta e eficaz distribuição no habitáculo. Além dos “pack” de noite e conforto, esta versão tinha a linha AMG Sport (2.032,52 €) que altera a estética e o nível de conforto, além de aprimorar a desportividade na condução.

Comandos refinados

Neste cinco portas, as duas da frente abrem de forma ampla, e os diversos ajustes dos assentos desportivos, concedem uma boa posição de condução, para a qual também contribui o ajuste do volante em altura e da coluna de direcção em profundidade. Por ter inferior cota de altura (-160 mm) face ao anterior modelo, a acessibilidade ao novo A esta menos facilitada, mas o novo formato do pilar ‘A’ permite ganhar eficiência das palas de cortesia, em especial quando o Sol está mais baixo. Em termos de visibilidade, a traseira é a que sai mais prejudicada, sendo necessário prestar mais atenção aos sensores (visual e sonoro) de estacionamento.
No capítulo do comportamento dinâmico, a primeira característica que nos deixou agradavelmente surpreendidos, tem a ver com a disponibilidade do binário e potência. Quer nas reprises como nas acelerações, este 220 CDI faz justiça aos números apontados pelo construtor, que apresenta 8,2 seg para chegar aos 100 km/h. A suavidade desta transmissão, é outro dos pontos que nos deixou uma agradável sensação, enfatizada quando passamos ao modo de pré-selecção ou desportivo. Por fim mas não menos importante, o refinamento de condução neste tracção dianteira, está em linha com a eficiência da dinâmica das suspensões e travagem. Em nossa opinião, este é um dos pontos em que este Classe A se distancia dos demais concorrentes.
Em termos de bagageira o A concede 341 litros, e mediante rebatimento dos assentos traseiros, chega aos 1.157. Noutro núemros igualmente importantes, chegámos às médias de 6,5 litros/100 km a 61 km/h.

Gostámos Mais

  • Refinamento na condução
  • Acelerações e reprises
  • Conforto de rolamento
  • Eficiência da climatização
  • Transmissão com 3 modos

Gostámos Menos

  • Visibilidade para a traseira
  • Preço de alguns opcionais
Modelo/Versão Mercedes-Benz 220 CDI 7G-DCT BlueEfficiency
Potência 125 kW (170 cv)/3.400~4.000 rpm
Binário 350 Nm (34,3 kgm)/1.400~3400 rpm
Consumos Urb: 5,4; Ext-Urb:3,8; Combinado: 4,4 l/100 km
CO2 113 g/km
Médias 6,5 l/100 km à média de 61 km/h
Preço Base 28 050,24 €
ISV 5 806,75 €
IVA 7 793,01 €
Ecotaxa 4,80 €
Documentação 900,00 €
€ chave na mão 42 554,80 €
IUC 194,30 €