Download PDF

Na foto (da esq > dta) Diego Goldin e Mike Gallagher da NGV Global e Pierre Lahutte, presidente da IVECO.

A IVECO foi galardoada com o “NGV Global Industry Champion Award 2017”, em reconhecimento do seu empenho no sector do gás natural, e desenvolvimento dos mercados do Gás Natural Comprimido (GNC) e do Gás Natural Liquefeito (GNL). Este prémio tem o apoio da NGV Global, a Associação Internacional dos Veículos a Gás Natural, entidade que representa a indústria dos veículos a gás natural a nível mundial, e que se dedica à promoção do uso do gás natural e do biometano para os transportes, com o objectivo de aumentar a eficiência e economia de combustível dos veículos, bem como a segurança em todas as áreas. Em Roterdam-Holanda (22/03) o director-executivo da NVG Global salientou: O empenho da IVECO na propulsão a gás natural, oferecendo já alternativas propulsionadas a metanol (incluindo biometano) em toda a sua gama de produtos de veículos comerciais, contribui significativamente para a redução das emissões provenientes do sector dos transportes. Espero que aceitem este gesto simbólico, não apenas como uma forma de assinalar tudo o que já foi alcançado, mas também como a abertura de um novo capítulo para uma maior adopção, desenvolvimento e prosperidade da tecnologia de gás natural no futuro, concluiu Diego Goldin. 

Atribuído de dois em dois anos, o prémio, distingue iniciativas e programas implementados pelas empresas com vista ao desenvolvimento e incremento do sector do gás natural a nível mundial. Os membros da direcção da NGV Global elegeram a IVECO com base num conjunto de critérios onde se incluíram os progressos feitos no uso do gás natural como combustível alternativo e o contributo dado para o crescimento do mercado de veículos a gás natural em todo o mundo. O júri analisou o impacto das actividades da marca a nível nacional, regional e global. A NGV Global representa os interesses de mais de 350 membros de todo o mundo. Desde a sua criação em 1986, a organização viu o número de veículos a gás natural crescer para mais de 23 milhões, em todos cantos do mundo. Para os próximos anos, a NGV Global prevê um crescimento contínuo, com 65 milhões de VGN nas estradas de todo o planeta até 2030. É a primeira vez que a NGV Global faz entrega do prémio de Indústria no decorrer da sua Conferência e Exposição Bienal. Em ocasiões anteriores, o prémio “NVG Champions” distinguiu pessoas e empresas que foram importantes para o desenvolvimento da indústria nas respectivas regiões. Este ano, o prémio de Indústria foi escolhido directamente pelo Comité da Direcção da NGV Global, com o objectivo de distinguir as principais empresas/indústrias com presença global no sector do Gás Natural para Transportes.

O prémio foi entregue ao presidente da IVECO que na altura adiantou: Estamos orgulhosos do reconhecimento do nosso empenho para com o desenvolvimento do gás natural como um combustível para o transporte sustentável, reconhecimento que surge agora com a atribuição deste prémio. Numa época em que são muitos os que procuram alternativas ao Diesel, e buscam por soluções para tornar a propulsão Eléctrica ou a Hidrogénio, tecnológica e economicamente viáveis, algo que não é ainda possível, o Gás Natural vem, mais uma vez, comprovar que é uma solução amadurecida, adequada e acessível, tanto no impacto da utilização dos veículos, como – e ainda mais importante – no impacto da produção do combustível, graças ao biogás. A tecnologia do Gás Natural não é um sonho para o futuro, é já hoje uma realidade! Uma solução real, prática e imediata. Na IVECO, há mais de 20 anos que trabalhamos no desenvolvimento deste combustível sustentável, e contamos hoje com mais de 16.000 veículos a operar, tanto a Gás Natural como a Biogás, sublinhou Pierre Lahutte. 

O presidente da IVECO enfatizou que: é com uma enorme satisfação que somos o primeiro construtor a oferecer uma gama completa de modelos a gás natural, dos comerciais ligeiros aos veículos pesados de mercadorias e passageiros, e que constatamos diariamente um grau de adesão cada vez maior, com a conquista de novos clientes. O objectivo principal da nossa estratégia de produto consiste em disponibilizar aos nossos clientes veículos que lhes permitam ser mais sustentáveis, tanto em termos ambientes como nos seus resultados finais, referiu Pierre Lahutte.

 Graças a uma crescente disponibilidade de postos de abastecimento de bioGNC e bioGNL na Europa, as empresas de transporte de mercadorias e as empresas de transportes públicos podem agora operar uma frota isenta de CO2, contribuindo para a independência energética e ajudando no combate às alterações climáticas. Com efeito, desde 1996 que os motores estequiométricos (a combustão) da IVECO são uma referência em termos de fiabilidade, economia de combustível e baixas emissões. Emitindo menos 30% de NOx, menos 99% de partículas e metade do ruído produzidos pelos motores Diesel Euro VI mais recentes, os veículos IVECO propulsionados a gás proporcionam uma tecnologia que é também de vanguarda em termos de Custo Total de Propriedade. O prémio “NGV Global Industry Campion”, agora atribuído à IVECO e à sua gama de veículos a gás natural, é o mais recente a juntar-se à vasta colecção de distinções nacionais e internacionais este ano atribuídas ao Stralis NP, o primeiro veículo pesado a gás especificamente concebido transportes de longo curso. A lista de troféus inclui o Prémio “Project of the Year 2017”, atribuído em Viena pelo “European Gas Wards of Excellence,” e a distinção “Vehículo Industrial Ecologico del Año 2017”, arrecadado pelo Stralis NP em Espanha, na sequência do reconhecimento obtido, no ano no passado, nos “Green Fleet Awards 2016”, no Reino Unido. A IVECO obteve também duas vitórias na primeira edição dos Prémios “Sustainable Truck of the Year 2017”, organizados pela revista “Vado e Torno” em colaboração com a Lifegate (organização para o desenvolvimento sustentável) o Eurocargo CNG venceu este prestigiado troféu na categoria Distribuição, e o Novo Daily Electric foi o vencedor na categoria Furgão.