Download PDF

Renault_71251_global_enApesar de alguns puristas poderem discordar da aplicação do EDC, em nossa opinião, o novo Mégane, é o automóvel ideal para ir a um casamento e, no mesmo fim-de-semana, aproveitar um “track-day”. Face ao anterior modelo, o novo Mégane está mais baixo (- 20 mm) e mais longo (+ 60 mm) sendo evidente o ganho em habitabilidade, tanto para os lugares dianteiros como traseiros. Na bagageira, esta continua a ser profunda e com um acesso satisfatório. Aliás, em termos de acessibilidade ao habitáculo do GT, tanto as almofadas laterais como os ângulos de acessibilidade, dificultam esta última. No entanto, uma vez no interior, o apoio lateral conseguido nos assentos envolventes, é um dos contributos para o conforto de rolamento deste Mégane. Renault_71389_global_enBem equipado, o painel de instrumento é de fácil leitura, sendo menos intuitivo do que seria de esperar num automóvel da nova geração, em especial quando começamos a explorar os diversos sub-menus de navegação, áudio, e configuração do veículo. Podemos optar pelo modo de conforto, por um neutro, pelo desportivo ou pela personalização. À medida que vamos percorrendo as opções, o painel vai mudando de indicações e cores, incluíndo a distância de segurança para o veículo que vai à nossa frente. Neste último achámos que os números são pequenos, mas para ajudara identificação, existe uma zona colorida que alterna entre o verde e o vermelho para identificar as margens de segurança.

 

Preço-base

ISV

Logística+SGPU

IVA

PVP

IUC

22.480,85

3.454,11

886,41

5.965,04

31.900,00

Aos comandos

Renault_71397_global_enQuando nos sentamos ao volante deste 1.6 a gasolina de 205 cv, temos duas hipóteses: podemos chegar aos 15,7 litros/100 km de consumo, tirar partido das performances do motor e da eficiência do sistema 4control que ‘ajusta’ os ângulos das rodas traseiras às necessidades dinâmicas; a outra escolha, permite chegar aos 5,7 litros/100 km a uma média de 53,8 km/h, enquanto usufruímos do bom escalonamento da transmissão de sete relações, cuja suavidade nos deixou surpresos. Apesar de automatizada, a transmissão EDC permite a pré-selecção ou actuação manuais, sempre indicadas no painel de instrumentos. Um bom desempenho das suspensões, direcção e travões, complementa a eficácia dinâmica deste Mégane, cujas emoções de fds podem ir ao rubro, quer se trate de um casamento ou “track-day”.

Gostamos – Gostámos +
– acessibilidade ao interior e bagageira – Motorização e transmissão EDC

– Versatilidade de utilização (4 modos)

– Conforto de rolamento

– Comportamento dinâmico (4control)

– Equipamento na versão GT