Download PDF

A Nissan Motor Co., Ltd. amplia a liderança da revolução eléctrica, apresentando no salão automóvel de Tokyo, duas novidades: o primeiro “crossover” 100% eléctrico; a entrada da marca no campeonato da Fórmula E. A empresa – líder mundial em veículos eléctricos e pioneira do automóvel eléctrico mais vendido do mundo, o Nissan LEAF – aproveita a plataforma internacional do salão automóvel de Tokyo para mostrar a sua visão de um futuro eléctrico. Após o lançamento global em Setembro dos Nissan Leaf e Ecossistema Eléctrico, o fabricante japonês apresentou dois protótipos totalmente eléctricos no salão, sublinhando assim a intenção da Nissan de manter a liderança em automóveis eléctricos e cumprir a sua promessa de marca: Inovação e Entusiasmo para Todos.

Os dois protótipos são o novo Crossover totalmente eléctrico Nissan IMx e o novo Nissan LEAF Nismo, que oferecem aos clientes um vislumbre das inovações mais recentes e futuras da empresa, alinhadas com a sua visão de Mobilidade Inteligente Nissan. Para sublinhar o seu compromisso de tornar a mobilidade elétrica realmente entusiasmante, a Nissan também confirmou a sua participação na temporada 2018-2019 no campeonato de Fórmula E.

O inovador Nissan IMx, um conceito de “crossover” eléctrico de quatro lugares, oferece uma condução totalmente autónoma e uma autonomia de mais de 600 quilómetros (segunda a norma japonesa JC08). Este protótipo utiliza a totalmente nova plataforma específica para veículos eléctricos da Nissan, em paralelo com dois motores gémeos que oferecem uma potência de 320kW e um extraordinário binário de 700Nm. A nova plataforma permite que o piso seja completamente plano, possibilitando assim um habitáculo muito amplo e uma dinâmica de condução aprimorada. Com um centro de gravidade baixo, o conjunto oferece um comportamento que promete redefinir o segmento dos “crossovers”. A inovação continua através da bateria de alta capacidade que pode servir como uma fonte de energia, partilhando electricidade através do veículo para a rede, possível através de um novo sistema de carregamento sem fio e do método convencional. O IMx foi projectado para fortalecer o elo entre o automóvel e o condutor, tornando-se um parceiro próximo e confiável que oferece uma condução mais segura, mais conveniente e mais agradável.

A Nissan é a primeira marca automóvel japonesa a competir na Fórmula E

A decisão de participar na crescente série de Fórmula E dá à Nissan uma plataforma global com grande visibilidade para divulgar o conceito de Mobilidade Inteligente da Nissan: No cerne da condução zero emissões da Nissan está o auge das emoções da aceleração instantânea e do comportamento ágil, por isso a Nissan vai electrificar o campeonato de Fórmula E, disse Daniele Schillaci.

O fundador e CEO da Fórmula E, está entusiasmado por receber a Nissan: Receber um nome como a Nissan a bordo representa um momento importante para a série. Não só é bom ter um novo fabricante na família da Fórmula E, é também óptimo que isso represente o nosso primeiro fabricante japonês, mostrando como é global a revolução eléctrica. O Japão é um país que está na vanguarda das novas tecnologias e com um público entre os maiores seguidores da Fórmula E. A mudança para a mobilidade sustentável está em movimento e é imparável. Estou ansioso para ver o logótipo da Nissan, na quinta temporada desta série afirmou Alejandro Agag. A Nissan entrará na Fórmula E no final de 2018, altura em que o campeonato terá novos regulamentos de chassis e bateria.